MANIPULADORES DE MENTES

Uma postagem de ALUISIO DUARTE no facebook mostra como a mídia brasileira explora os crimes cometidos pelas classes pobres. Claro, crimes que provocam comoção publica dão IBOPE. Crimes políticos além de limpos são polidos e isentos de sangue ou fogo. Neste palco os atores são os políticos corruptos de um lato, os empresários cafajeste do outro e os bancos servindo de mediadores.

Moradores de periferia tocam fogo em ônibus, trens, etc. e a nossa mídia enquanto mostra as cenas do crime comentam sobre os baixos salários dos policiais, falta de armamentos e a urgência em mais presídios. POR QUE TAIS CRIMES FORAM COMETIDOS? Isso não interessa, quem se importa com problemas da periferia?

Quando se vestimos a capa de SANTO e a máscara de HONRADO, temos a possibilidade de manipular a mente popular de forma que enxerguem nossos erros como sendo o CORRETO. A população passa a ter a mente focada a apenas um lado dos acontecimentos em detrimento da verdade que praticamente passa a ser oculta. Coisas importantes passam a ser esquecidas e ignoradas e as mentiras passam a ser verdades.

Mas as mentes críticas estão começando a desabrochar!  A ditadura social está mais amena! A Santa Inquisição mesmo ainda existindo como órgão do Auto Clero, não tem mais poder no Estado Laico. Novas formas de manifestação pública estão surgindo como o FACEBOOK, BLOGS, etc., e a coerção ficando mais difícil.

Mas os crimes de outrora cometidos contra nossos antepassados não podem ser esquecidos no fundo de nossos dados memoriais. As ferramentas de torturas contra inocentes ainda podem ser vistas nos museus. Os arquivos históricos sobre as maiores ignominias contra Cristo e Deus estão registrados em livros e películas. As centenas de milhares de mortes de velhos, crianças, estupros generalizados, saques e todos os tipos de aberrações cometidas com o apoio e pleno aval do CRISTIANISMO nunca deverão ser esquecidos.