SUGESTOLOGIA

MANIPULADORES E MANIPULADOS

As mídias brasileiras usam seu poder de manipular opiniões, distorcendo verdades, fazendo uso de protecionismo e protegendo seus próprios interesses. Esqueceram seu compromisso com a verdade, as informações imparciais e a educação.

Lozanov ficou internacionalmente conhecido por desenvolver a Sugestopedia, uma teoria de aprendizado e ensino que se baseia nos seus estudos do começo dos anos 60 acerca do poder da sugestão, que mais tarde denominou Sugestologia. Suas teorias foram examinadas pela UNESCO nos fins dos anos 70 e se mostraram efetivas. A Sugestologia acelerou o movimento do aprendizado no Ocidente, e várias técnicas foram adicionadas a ela, como controle da respiração, a visualização, o biofeedback, entre outras.

Vale ressaltar que em seu último livro publicado recentemente “Suggestopedia / Reservopedia”, o Dr. Lozanov afirma categoricamente que a Suggestopedia não tem ligação com:

  • PNL (Programação Neurolinguística)
  • Superlearning
  • Hipnose
  • Exercícios de Respiração
  • Ondas Alfa do Cérebro
  • Pílulas ou RemédiosEsta postagem foi copiada do Wikipédia e vou mostrar por que eu discordo 
    • Ora, um dos autores que mais estudei até hoje foi Georgi Lozanov, nascido na Bulgária em 1926, se tornou médico psiquiatra, doutor em medicina e psicoterapeuta, pesquisador em neuropsiquiatria. Em 1971 ele defendeu sua tese de doutorado com o título “Aplicações Médicas e Pedagógicas da Sugestão”. Ele designou de Sugestologia a ciência da arte de liberar e estimular a personalidade, sob orientação ou sozinho, e de Sugestopedia a aplicação da sugestologia em processos de aprendizagem.Durante seus trabalhos de psicoterapia na Bulgária, Lozanov observou o fenômeno de hypermnesia, a capacidade de memorização de grande quantidade de informação em um pequeno intervalo de tempo, realizada de forma sugestiva e com retenção na memória de longo prazo. Muitos destes resultados foram obtidos a partir de experimentos com hipnose:
      De maneira simplificada, a Sugestologia é a ciência da sugestão. Um de seus propósitos é a investigação de como a aprendizagem e a comunicação são influenciadas pela sugestão. Tem sua origem na prática da psicoterapia, na qual Lozanov se utilizou da sugestão como um meio para o processo de tratamento de seus pacientes. Em seu livro, Lozanov tece diversas considerações sobre como a sugestão exerce sua influência sobre os indivíduos.
      Diz no Wikipedia que os trabalho de Lozanov nada tem a ver com a PNL, hipnose, exercício de respiração, etc. – Quem fez a postagem está totalmente desinformado porque a Programação Neurolinguística é pura sugestão. A hipnose está totalmente contida nos conceitos sugestológicos, a respiração faz parte essencial de qualquer trabalho onde se querer trabalhos com a mente exacerbada pelo fato de provocar uma superoxigenação cerebral salutar.  
      Vejamos o que podemos falar sobre Losanov

      Cada indivíduo está constantemente exposto a uma grande variedade de estímulos, em função do meio que o circunda. Mesmo quando a mente do indivíduo foca sua atenção consciente num objeto ou situação específica, ela percebe os estímulos periféricos existentes ao redor do objeto, ou da situação observada, de maneira inconsciente. Para Lozanov, o conjunto desses estímulos forma uma rede de sugestões que podem influenciar o indivíduo.

          Lozanov estabelece que a Sugestologia tem como objeto de pesquisa a personalidade humana e sua complexa inter-relação com o ambiente, dando grande atenção a aquelas percepções que geralmente são insuficientemente conscientes, ou até mesmo totalmente inconscientes. Ele destaca que o homem, como entidade psicossomática, é resultado do ambiente natural e social no qual está inserido. Sua herança biológica é moldada, direcionada e remodelada em função do ambiente em que se encontra.

          A estrutura da personalidade do indivíduo é construída em contínua inter-relação com o ambiente, incluindo o seu ambiente social. De acordo com suas pesquisas, esta concepção está embasada na fisiologia e na proposição de que todas as atividades do organismo são determinadas pelo ambiente e que princípios reflexos norteiam ambas a neurofisiologia e a psicologia. No cérebro, as conexões corticais-subcorticais são responsáveis pela formação de mecanismos reguladores, que mantêm o equilíbrio entre o organismo e o ambiente. Lozanov relata que estudos indicam que a rota polisináptica dos receptores, passando através da formação reticular, ativa o córtex cerebral quando há a presença de excitação nesses receptores, indicando a interação dessas estruturas nos mecanismos reguladores.

          A atuação dos mecanismos fisiológicos para manutenção do equilíbrio do organismo com o seu ambiente natural e social freqüentemente ocorre abaixo do limiar da consciência. Nós permanecemos inconscientes sobre os efeitos do ambiente pelo fato dele ser relativamente constante, raramente apresentando variações bruscas ou de grande amplitude. Assim, o efeito psicológico resultante da ação desses mecanismos geralmente escapa à mente consciente.

          Para Lozanov, os complexos mecanismos fisiológicos devem ser examinados sob uma abordagem que encampe tanto os aspectos filogenéticos (espécie) quanto os ontogenéticos (indivíduo). A partir da interação entre os traços hereditários e congênitos de um indivíduo e das características de seu ambiente natural e social é que se estabelece o seu desenvolvimento físico, mental e emocional.

          De especial interesse para o estudo da sugestologia é a influência que o ambiente social exerce sobre o homem, com as suas diversas implicações derivadas, não se restringindo apenas ao condicionamento imposto pelas regras sociais. Lozanov ressalta essa influência, citando Vigotsky:

          Como tem sido enfatizado, o indivíduo não pode ser estudado somente através de seu desenvolvimento socialmente condicionado. Na verdade, de acordo com Vigotsky (1937, 1956), os processos interpessoal e interpsíquico são as fundações para o desenvolvimento dos processos interior e intrapsíquico […]. (Lozanov, 1978, p. 51).

          A sugestão exerce um papel preponderante na vida em comunidade. O ambiente social, com os seus diversos requerimentos para os membros da sociedade, impõe uma subordinação do indivíduo. O tecido social exerce uma forte influência sugestiva, de uma maneira inconsciente, não só através do medo imposto pelo poder da coletividade, mas também pelas normas e condutas sociais amplamente adotadas e aceitas, que vão se cristalizar no indivíduo, moldando a sua conduta.

          Os fatores de sugestão, existentes nos processos ordinários de comunicação são intensificados consideravelmente em processos de comunicação específicos, como nos processos educacionais e de aprendizagem, nas comunicações artísticas e nos processos de tratamento das doenças. Lozanov completa seu pensamento, dizendo:

          Em toda esta variedade de inter-relações sugestivas entre o homem e seu ambiente, a Sugestologia deve procurar identificar de forma mais precisa quando e quais estímulos são positivos para determinada pessoa, e quando e quais são negativos. Somente então, se a sociedade conseguir achar a força e o poder necessários para defini-los, o desenvolvimento da personalidade será organizado em bases científicas construtivas. (Lozanov, 1978, p. 53).

      3.     O Método Sugestopédico

          A Sugestopedia trata da aplicação prática da Sugestologia nos processos de ensino e aprendizagem. Baseia-se na ativação sistematizada das capacidades e habilidades potenciais do cérebro e da mente. Atua no sentido de liberar as pessoas das limitações comumente impostas pelas diferentes regras e condutas sociais, as quais contribuem para o condicionamento da personalidade, da conduta e da capacidade de aprendizagem.

          De acordo com Lozanov, a sugestão está presente em todas as áreas da vida, sendo um fator constante, consciente ou inconsciente, na comunicação. A aplicação da sugestopedia no ensino deu origem ao termo Aprendizagem Acelerada, pelo fato de permitir a absorção de grande quantidade de material de ensino em pequenos períodos de tempo.

          A aprendizagem acelerada utiliza uma abordagem de ensino do indivíduo integral (whole person), possuindo elementos centrais específicos que ao serem utilizados em conjunto permitem ao estudante uma aprendizagem mais rápida, eficaz e prazerosa. A sugestologia remete ao processo natural de aprendizagem e acelera a compreensão e a retenção do conteúdo. Atualmente, o termo Aprendizagem Acelerada tem sido utilizado num amplo conjunto de abordagens que, além da sugestologia, passaram a incorporar uma variedade de técnicas e conceitos, como os das Inteligências Múltiplas (Gardner, 1995) e a da Superaprendizagem (Ostrander; Schroeder, 1979).

          De acordo com Bobbi DePorter, educadora norte-americana que participou dos programas de treinamento em Sugestologia e Sugestopedia diretamente com seu criador, ao se falar especificamente do trabalho original de Lozanov pode-se destacar as seguintes teorias, suposições e elementos centrais relacionados à Sugestologia e à Sugestopedia (DePorter, 2003):

      Teorias e suposições

          A aprendizagem é um processo dual: nós aprendemos tanto com nossa mente consciente como com nossa mente inconsciente.

          Tudo produz uma sugestão, que pode ser percebida consciente ou inconscientemente. Conscientemente, o aluno presta atenção na voz do professor, porém o ambiente interfere no processo de aprendizagem, produzindo sugestões para a mente inconsciente, através de estímulos visuais, ruídos, odores, etc., assim como a tonalidade da voz ou o humor do professor.

          Não existe estímulo exclusivo. Ocorre variação de como a informação é percebida no contexto.

          Tudo está sendo constantemente processado, incluindo símbolos, rituais e associações.

          Não existe estímulo neutro; somente positivo ou negativo.

          O professor é o fator exclusivo mais importante na aprendizagem.

          A aprendizagem é mais efetiva quando se oferece para o estudante um ambiente que seja livre de stress (desconforto), tanto físico como mental.

      Elementos centrais

      • Ambiente Físico: deve-se fazer todo o esforço necessário para se criar um ambiente de aprendizagem confortável. Luz, temperatura, cores, plantas, decoração, cadeiras ou assentos devem ser cuidadosamente considerados.

      • Música: a utilização de música adequada estimula a aprendizagem. Música barroca, por exemplo, ajuda o estudante a relaxar e a focar.

      • Periferia: uso de estímulos visuais, tais como pôsteres e gráficos, reforça o ensino. A informação (ou sugestão) contida na periferia é captada pelo subconsciente, enquanto o estudante está conscientemente focado.

      • Professor: as variações da voz (entonação, volume, timbre, etc.) devem ser utilizadas corretamente para manter a atenção do aluno, bem como enfatizar pontos importantes.

      • Teatro e Encenação: interpretação de estórias e encenação de papéis tornam as lições vivas.

      • Concertos Passivo e Ativo: as lições são apresentadas acompanhadas de música apropriada.

      • Organização do ensino: responsável pela reunião de todos os elementos num fluxo harmonioso. Uma organização eficaz contribui para a transmissão do conteúdo, conduzindo o estudante através de um ciclo bem-sucedido de aprendizagem.

      4.     Considerações finais

          Muito tem sido dito e escrito sobre a aprendizagem acelerada, porém, a maior parte desse material carece de uma abordagem mais profunda, desconsiderando seu embasamento científico e tem, muitas vezes, caráter eminentemente comercial, com o objetivo de divulgar algum treinamento ou produto colocado à venda. As pesquisas de Lozanov foram desenvolvidas na Europa Oriental em uma época de forte controle estatal. Durante um período de cerca de 10 anos, a partir de 1979, o pesquisador ficou impossibilitado de manter contato com o ocidente, em função das políticas adotadas em seu país de origem. Porém, naquele momento as suas teorias já estavam suficientemente difundidas, principalmente após a divulgação dos relatórios elaborados pelo Grupo de Trabalho sobre Sugestologia e Sugestopedia da UNESCO (ver UNESCO, 1978, 1980). Já era possível encontrar referências sobre as suas pesquisas em inglês, francês e espanhol, o que facilitou a sua difusão pelo mundo.

          A tentativa inicial de replicação do trabalho de Lozanov e de sua aplicação pedagógica nos Estados Unidos deu origem ao Método SALT – Suggestive-Accelerative Learning and Teaching (Aprendizagem e Ensino Sugestivo-Acelerativo), com sua utilização em algumas escolas convencionais no ensino de matemática, ciências e leitura (Schuster; Prichard, 1978), (Schuster; Gritton, 1986). Em 1979, também nos Estados Unidos, Sheila Ostrander e Lynn Schroeder anunciaram o método Superlearning(Superaprendizagem), baseado apenas parcialmente nos trabalhos de Lozanov e de outros pesquisadores, através do lançamento do livro homônimo (Ostrander; Schroeder, 1979). Desse momento em diante começam a surgir os primeiros cursos de caráter comercial, destinados principalmente ao ensino de idiomas, sendo então cunhado o termoAccelerated Learning (Aprendizagem Acelerada), que se espalha por vários países (Rose, 1985). Atualmente existem centros de ensino baseados em tais métodos em diversos países dos cinco continentes. Independentemente do forte apelo comercial e das distorções promovidas pela mídia, os resultados do método têm sido reconhecidos de fato, conforme relatado em publicações especializadas (Schuster; Prichard, 1978), (Moon et al., 1986) e (Palmer; Dhority, 1993).

          Com o fim das restrições políticas, Lozanov se transferiu para a Áustria e fundou um centro de treinamento e de pesquisas em sugestologia e em sugestopedia, inicialmente na cidade de Viktorsberg e depois se fixando em Viana, com o objetivo de resgatar e expandir a aplicação de seus trabalhos originais desenvolvidos na Bulgária. Trabalhou ativamente em seu instituto até recentemente, deixando-nos em maio de 2012.

          Sua abordagem é muito mais rica e abrangente do que aquelas encontradas nos cursos comerciais que se espalharam pelo mundo e que utilizam seu nome como referência. Seu método atua em um nível muito mais refinado e profundo, ao contemplar o indivíduo, suas potencialidades e suas necessidades como um todo unívoco e indissociável. O Dr. Lozanov possui um vasto trabalho de pesquisa que merece ser mais bem estudado e avaliado, incluindo o desenvolvimento de métodos psicoterapêuticos para o tratamento de enfermidades e desajustes de origens neurótica e psicossomática. Dentre suas últimas realizações procurou divulgar a idéia da De-sugestologia, uma nova abordagem através da qual se procura remover antigas sugestões patológicas arraigadas no indivíduo, desbloqueando condicionamentos que inibem tanto a aprendizagem como a diversos outros potenciais de realização humana, assunto que trataremos em detalhes em texto futuro.

      Apesar de todo meu respeito pela Escola Losanoviana, meus estudos se baseiam mais profundamente nos trabalhos e nas técnicas de EMILE COUÉ pelo fato de eu estar ligado aos Estados Dilatados da Consciência como a hipnose, projeção astral, retrocognição e pesquisas comportamentais onde bem aplico técnicas de mensagens subliminares sutis

      Amuleteiro é aquele entendido em amuletos, que por sua vez são objetos nos quais foram instalados reflexos operativos despertadores de energia ou gatilhos.. As medalhas, os crucifixos, patinhas de coelho, santinhos, cristais, fitas, pulseiras, anéis energéticos, ou quaisquer outros objetos que represente algo ou alguém com o estatuto de ideal, que lhes faça despertar energias auto curadoras, auto regeneradoras, normalizadoras, etc. Ou que desperte no indivíduo, poderes nos quais ele acredite.
      O cristão em perigo quando beija o escapulário, o crucifixo, a fita do Senhor do Bonfim, está despertando nele potenciais mentais geradores de energias de autoconfiança para enfrentar suas dificuldades. Do mesmo modo, todos os super heróis das revistas em quadrinhos também usam suas palavras mágicas e seus amuletos. Exp.: Superamendoim do Seperpateta, o espinafre do Popaye, alguns usam palavras mágicas, e daí por diante.
      O que podemos concluir é que procuramos qualquer coisa para disparar em nos mesmos as energias positivas mencionadas, usando este método de auto sugestão ou auto manipulação benéfica e esta manipulação ocorre em nossas vidas em todas as áreas e em todos os estágios de nossas vidas. – Quando pequenos, somos sugestionados ou manipulados por nossas mães com suas cantigas de ninar para nos fazer dormir, nas brincadeiras ao colocar as colheradas na boca para nos alimentar. São as Matre-hipnose. – Em nossa adolescência e maturidade também somos manipulados pelos ritos, pelas assembléias das diversas organizações de cunho espiritual como a umbanda, carismáticos, espiritismo, o quarto caminho, sufismo, satanismo, nos quais estão instalados sequencias de passos e reflexos operativos para nos levar aos chamados estados alterados de consciência em nivel alpha
       

     

Um pensamento sobre “SUGESTOLOGIA

  1. Sou um curioso em auto aprendizagem. Essa mesma curiosidade trouxe-me ate aqui onde espero aprender mais qualquer coisa. O meu interesse foi despertado agora para estes assuntos, gostei muito do que vi ate agora ,e espero agora que os próximos artigos correspondam positivamente as minhas expetativas. Muito obrigado!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s